26 de julho de 2009

Eu não conhecia minha própria força!

Olá amigos,

Hoje faço uma homenagem a uma cantora e atriz que sempre me encantou e fez parte de minha vida e que felizmente descobriu uma força interior que não tinha conhecimento e fez desta energia seu recomeço mais que merecido.

Estou falando de Whitney Houston. Depois de tantos e tantos tratamentos e problemas de depressão e mesmo de saúde ela ressurge como uma Fenix das cinzas de todo o sofrimento que passou.

Prestem atenção na letra da música que fala desta sua luta e descoberta de vida e vejam como os seres superiores nos protegem mas não deixam de nos colocar na vida todas as nossas provações reservadas e escolhidas em uma outra vida.

A música é linda e emociona muito. Namastê!

Veja a letra e acompanhe a música que é um desabafo da Whitney:

video

I Didn't Know My Own Strengh (tradução)

Whitney Houston

Perdi o contato com minha alma
Não tinha pra onde me voltar, não tinha pra onde ir
Perdi o rumo do meu sonho, achei que seria o meu fim
Eu achei que nunca conseguiria
Eu não tinha esperança para aguentar
Eu achei que iria quebrar
Eu não conhecia minha própria força
E eu acabei e eu caí
Mas eu não não me despedacei
Eu atravessei toda a tristeza

Eu não conhecia minha própria força
Sobrevivi às minhas horas mais negras
Minha fé me manteve viva
Eu me reergui novamente
Mantive minha cabeça erguida
Eu não fui feita pra se quebrar
Eu não conhecia minha própria força

Encontrei esperança em meu coração
Eu encontrei a luz para iluminar meu caminho pra longe da escuridão
Encontrei tudo que eu precisava aqui dentro de mim
Eu achei que nunca encontraria meu caminho
Eu achei que nunca ergueria aquele peso
Eu achei que me quebraria

Eu não conhecia minha própria força
E eu acabei e eu caí
Mas eu não não me despedacei
Eu atravessei toda a tristeza
Eu não conhecia minha própria força
Sobrevivi às minhas horas mais negras
Minha fé me manteve viva
Eu me reergui novamente
Mantive minha cabeça erguida
Eu não fui feita pra se quebrar
Eu não conhecia minha própria força

Houveram tantas vezes
que eu me perguntava como iria passar a noite
Eu achei ter levado tudo que eu podia
Eu não conhecia minha própria força

E eu acabei e eu caí
Mas eu não não me despedacei
Eu atravessei toda a tristeza
Eu não conhecia minha própria força

Sobrevivi às minhas horas mais negras
Minha fé me manteve viva
Eu me reergui novamente
Mantive minha cabeça erguida
Eu não fui feita pra se quebrar
Eu não conhecia minha própria força

Eu não fui feita pra se quebrar
Eu conheci minha própria força.

Namastê!


Um comentário:

  1. Olá Cigano Elson,

    Passei para deixar-te um abraço de luz e me deparei com esta publicação tão linda! De fato, ela é mesmo muito forte e um exemplo de superação para todos nós... Nunca sabemos do que somos capazes até precisarmos passar por algo... Parabéns!

    Luz e paz!

    Com carinho,
    Whesley

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails